Archive for the 'Textos' Category

εїз Oração para gestação εїз

Essa oração eu ganhei de duas super mamães: a Aline (mãe da Mariana) e a Maria Angélica (mãe da Júlia), assim que contei que estava grávida, deveria ter feito ela mais vezes, segue e eu aconselho a vocês mamães a fazerem todos os dias. Ao contrário de várias orações para gestantes, essa é especialmente para a gestação:

” Senhor Jesus, tomai esse bebezinho que está sendo gerado no ventre da ( nome da gestante) e o acompanhai durante os nove meses de gestação. Lavai-o no vosso sangue e colocai em cada célula que vai se formando em seu corpo uma gota desse sangue precioso. Que todos os seus orgãos funcionem em perfeita harmonia, bem como o seu sistema nervoso, circulatório, respiratório, seu aparelho geniturinário, sistema ósseo, músculos, pele, mãos, ouvidos, boca e glândulas.

Que todo o seu organismo receba, Senhor, o bálsamo do vosso amor. Que esse bálsamo cure todo o psiquismo e toda a dor e dificuldade durante toda a gestação e o nascimento.

Abençoai essa criança para que sua vida seja de santidade e graça. Afastai dela e de seus pais (nome dos pais), todo o mal. Enchei-a de paz, amor e alegria para que seja uma benção para todos os que com ela conviverem.

Peço também Senhor, que ela seja uma criança calma, tranquila, alegre, simpática, que não tenha dificuldades para comer ou dormir.

 Nossa Senhora esteja presente com a ( nome da gestante) em toda a gestação e em especial na hora do parto.

Santo anjo da guarda do bebê, protege-o e ajude a ampará-lo na hora do nascimento.

Senhor Jesus, eu louvo, agradeço, bendigo e glorifico vosso santo nome.

Amém

 

Anúncios

εїз … εїз

“Pegue seu bebê no colo e 

aproveite cada momento de

sua vida, afinal eles crescem rápido…”     



εїз Mãe εїз

“Mãe é aquele ser estranho, louco, capaz de heroísmos, dramas e breguices com a mesma fúria.

Mãe faz escândalo, tira satisfação com professor, berra em público, dá vexame, deixa a gente sem graça, compra briga; é espaçosa, barulhenta, tendenciosa, leoa, tiete, dona da gente. Mãe desperta extremos, ganas, irrita, enlouquece, mas… é mãe.

Mãe faz promessa, prestação, hora extra pra que a gente tenha o que é preciso e o que sonha.

Paga mico: escreve carta para Papai Noel, se faz passar por fadinha do dente, coelho da páscoa, cuca. Pede autógrafo para artistas deploráveis, assiste a programas, peças, shows horríveis, revê milhares d e vezes os mesmos desenhos animados, conta as mesmas histórias centenas de vezes, vai pra Disney e A D O R A!

Mãe surta, passa dos limites, às vezes até bate, diz coisas duras; mãe pede desculpas, mortificada…

Mãe é um bicho doido, louco pela cria.

Mãe é visceral!

Mãe chora em apresentação de balé, em competição de natação, quando o filho namora pela 1a. vez, quando dá o primeiro beijo, quando vê o filho apaixonado no casamento, no parto…

Xinga todo e cada desgraçado que faz o filho sofrer, enlouquece esperando ele chegar da balada, arranca os cabelos diante da morte…

Mãe é uma espécie esquisita que se alterna entre fada e bruxa com uma naturalidade espantosa. É competente no item culpa e insuperável no item ternura, mas pode ser virulenta, tem um lado B às vezes C, D, E…

Mãe é melosa, excessiva, obsessiva, repulsiva, comovente, histérica, mas não se é feliz sem uma.

Mãe é contrato: irrevogável, vitalício, intransferível!

Mãe lê pensamento, tem premonição, sonhos estranhos. Conhece cara de choro, de gripe, de medo; entra sem bater, liga de madrugada, pede favor chato, palpita e implica com amigos, namorados, escolhas.

Mãe dá a roupa do corpo, tempo, dinheiro, conselho, cuidado, proteção.

Mãe dá um jeito, dá nó, dá bronca, dá força.

Mãe cura cólica, porre, tristeza, pânico noturno, medos. Espanta monstros, pesadelos, bactérias, mosquitos, perigos.

Mãe tem intuição e é messiânica: mãe salva. Mãe guarda tesouros, conta histórias e tece lembranças.

Mãe é arquivo!

Mãe exagera, exaure, extrapola. Rumina o passado, remói dores, dá o troco, adora uma cobrança e um perdão lacrimoso.

Mãe abriga, afaga, alisa, lambe, conhece as batidas do nosso coração, o toque dos nossos dedos, as cores do nosso olhar e ouve música quando a gente ri.

Mãe tem coração de mãe!

Mãe é pedra no caminho, é rumo; é pedra no sapato, é rocha; é drama mexicano, tragédia grega e comédia italiana; é o maior dos clássicos; é colo, cadeira de balanço e divã de terapeuta…

Mãe é madona-mia! É deus-me-acuda; é graças-a-deus; é mãezinha-do-céu e é a mãe é minha e-eu-mato – quando-quiser; é a que padece no paraíso enquanto nos inferniza…

Mãe é absurda e inexoravelmente para sempre e é uma só: não há Mistério maior! Só cabe uma mãe na vida de uma filha (o)… e olhe lá! Às vezes, nem cabe inteira.

Mãe é imensurável!

Mãe é saudade instalada desde o instante em que descobrimos a morte.

Mãe é eterna, não morre jamais. Bicho estranho, entranha, milagre, façanha, matriz, alma, carne viva, laço de sangue, flor da pele.

Mãe é mãe, e faz cada coisa…”

(Texto de Hilda Lucas)

* Presente da Tia Dani Morais

εїз Ser mãe εїз

Ser mãe

Mãe, você se lembra do momento em que recebeu a notícia confirmada de sua gestação? Que emoção, que alegria medrosa e responsável foi aquela? Queria gritar na rua a sua notícia alvissareira? Ou preferia esquecer-se que mais alguém chegaria para dividir com você seu corpo, comida, sonhos, espaços…
Para que importar-se com o sentimento primeiro que lhe invadiu o coração e que percorreu seu corpo como um arrepio gigante?
Só uma certeza acompanhou você desde aquele momento: um filho! O seu filho! Nunca mais situação alguma mudará esse fato! Nem mesmo a morte que costuma desfazer realidades, poderá por fim a esta verdade:

VOCÊ É E PARA SEMPRE SERÁ MÃE!

A maternidade não é uma situação qualquer: no dia a dia ela se transformará em MODO DE SER, RAZÃO DE VIDA, MOLA PROPULSORA, FONTE DE OBJETIVOS, DETERMINANTE DE AÇÕES, realidade extraordinariamente envolvente e definitiva que jamais sofrerá mudanças!
Dentro de você, desejado como se deseja o ar, ou negado como se nega a morte, forma-se um novo ser que é a continuidade de você mesma e é nada mais que a continuidade de uma raça e de uma espécie!

Na vida desta criança, só você ocupará este espaço: só você lhe deu a vida!
Só você a carregou tão perto do coração. Só você sentiu seu primeiro sinal de vida (aquele primeiro tremor em seu ventre é o primeiro sinal de que aí dentro existe alguém vivo!)

Você será a única a sentir aquele primeiro “chute” do pezinho de seu bebê a se esticar dentro do seu corpo. Fale com ele agora, mostre a ele o quanto é bem vindo e o quanto é amado, vocês precisam desse encontro já e para sempre!
Observe-se, você se transforma inteira, e o faz assim para receber sua pequenina jóia. Não importa mais a cintura fina, os seios em pé, o corpo bonito!

Seus valores estão se transformando,
e sua beleza maior hoje, NÃO É MAIS VOCÊ! Consegue perceber que neste processo de transformação, até seus olhos adquiriram um brilho diferente? (Como gostaria de poder fitá-los).

Você não deixou de ser bela! O que está acontecendo é que a beleza está crescendo, ela deixará de esnobar-se somente em sua pele macia, ou em suas formas exteriores, mas agora ela irá permear cada gesto seu e se derramará por dentro de você mesma até contagiar todo o seu ser e até chegar ao seu coração e ao seu útero!

Neste processo, que é o maior milagre da vida, você transforma seu próprio sangue em alimento para seu filho e seus braços se preparam desde cedo para o primeiro abraço!
Pele… arrepios… o primeiro toque. Que sublime sensação!

Cada milímetro de você é MÃE!

* Presente da Tia Luciana Eliete. Obrigada linda, amamos…

εїз ESPERO UMA FILHA εїз


Espero uma filha.
Fruto de um sonho
E de um ato de amor,
Ela será luz para o mundo.
Todos contemplarão em seus olhos
E em seus gestos uma paixão
Infinita pela vida.

Trará consigo um imenso poder
De sonhar e acreditar na utopia.
Distribuirá a todos sementes de paz
E com as mãos erguerá a terra
Em direção do sol e da chuva
Para que deles bebam o calor e o frescor
Da imensidão.

Será bela, minha filha. E a beleza trará no nome.
E seu nome se repetirá nas bocas
De cada homem e cada mulher
E nas risadas das crianças.
Será sábia e ensinará a todos
O valor da inocência e da simplicidade.

Espero uma filha.
Será ela a eternização
De mim e de sua mãe e de seus avós
E carregará no coração
A dignidade herdada da família
E o exemplo de seus anteriores.

Que ela não seja o que fui.
Que ela seja sempre mais do que sou.
Que ela conquiste o tudo que não consegui.
Que ela viva para seus sonhos
E com sua esperança dê vida a mil outros
Em forma de palavras, em forma de afagos.

Espero uma filha.
Espero um sonho.
E ela será muito maior do que imagino.
Minha filha.
Tudo o que não fui.
Tudo o que serei.
Espero uma filha.
Estou esperando a vida.

* Alessandro Eloy Braga tem 30 anos; é licenciado em Letras-UCB, mestre em Educação-UCB, professor de Literatura e escritor e escreve no blog Teia de textos

Navegando pela internet encontrei esse texto em um blog… achei lindo demais e tomei a liberdade de colocá-lo aqui com os devidos créditos…


Ser mãe é…

"Amar incondicionalmente alguém que nem se imagina um dia conhecer, e fazer desta vida, seu maior e mais importante projeto; enfim ser mãe é um grande mistério de Deus!"

Mamãe

Acompanhando meu crescimento

Lilypie - Personal pictureLilypie First Birthday tickers

Aniversário da Rafaela

O Grande Dia29 de outubro de 2012
O grande dia chegou.

Visitas a Rafaela

  • 2.864 pessoas

Junte-se a 5 outros seguidores

Arquivos

Meu crescimento

29/10/2011 Peso 3530g e 49 cm

03/11/2011 Peso 3140g e 49,3 cm

30/11/2011 Peso 3500g e 51 cm

05/01/2012 Peso 4510g e 56,5 cm

Nascendo uma mãe

Minhas fotinhos

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: